Políticas de ciência, tecnologia e inovação para o desenvolvimento: A experiência latino americana

libro politicas

Este é um livro sobre heterogeneidade e diversidade do desenho e implementação de políticas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) na região da América Latina e Caribe (ALC). Ao longo do livro se mostra que o desenho de políticas de CTI está regido pela convergência de tendências nas quais os países aplicam novos marcos conceituais. Estes emergem tanto a partir de fora da região – por exemplo dos enfoques do Sistema Nacional de Inovação (SNI) (Freeman, 1987; Lundvall, 1992; Nelson, 1993; Kim, 1997) – como de dentro da região.

libro politicas

Este é um livro sobre heterogeneidade e diversidade do desenho e implementação de políticas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) na região da América Latina e Caribe (ALC). Ao longo do livro se mostra que o desenho de políticas de CTI está regido pela convergência de tendências nas quais os países aplicam novos marcos conceituais. Estes emergem tanto a partir de fora da região – por exemplo dos enfoques do Sistema Nacional de Inovação (SNI) (Freeman, 1987; Lundvall, 1992; Nelson, 1993; Kim, 1997) – como de dentro da região – A exemplo da escola latino americana de pensamento sobre ciência e tecnologia, o enfoque estruturalista, entre outros (Sábato e Botana, 1968; Prebisch, 1949ab, Furtado, 1958, 1961; Herrera, 1971; Sagasti, 1978). Ao mesmo tempo, os países tratam de aprender entre si para realizar suas atividades da melhor forma, no entanto, também se observam tendências divergentes que resultam de restrições institucionais e de fatores determinantes da economia política que particularizam o enfoque para cada país em particular. A partir dessas ideias iniciais, o primeiro aspecto a se destacar remete às tendências e pontos de vista convergentes.

  Download PDF

 

 

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *