proyecto cyted
Archivo,  Memoria

Rede temática para melhorar o diálogo entre as comunidades envolvidas nas políticas de CTI (COM-LALICS)

proyecto cytedA “Rede temática para melhorar o diálogo entre as comunidades envolvidas nas políticas de CTI” (COM-LALICS) se propõe a conceituar o processo de diálogo, definir e aplicar uma metodologia para melhorar a interlocução e, assim, colaborar com a formulação de políticas públicas. Para isto, considera-se quatro grandes Comunidades: Comunidade Empresarial, Comunidade Acadêmica, outros setores da Comunidade Civil e Comunidade do Setor Público.

 imagencyted proyectos

 

A “Rede temática para melhorar o diálogo entre as comunidades envolvidas nas políticas de CTI” (COM-LALICS) se propõe a conceituar o processo de diálogo, definir e aplicar uma metodologia para melhorar a interlocução e, assim, colaborar com a formulação de políticas públicas. Para isto, considera-se quatro grandes Comunidades: Comunidade Empresarial, Comunidade Acadêmica, outros setores da Comunidade Civil e Comunidade do Setor Público.
O principal resultado que se espera é uma metodologia testada e flexível, gerada de forma conjunta pelas comunidades e que considere a temática da aprendizagem dos países membros da rede. Busca-se atender às especificidades de cada sociedade ajudando a melhorar o diálogo para formulação de políticas públicas de CTI. A rede temática se enquadra dentro das atividades do LALICS.
Esta rede tem por objetivo estruturar um grupo que busque conceituar a problemática do diálogo entre as comunidades envolvidas nos processos de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI). A partir disso, definir-se-á e aplicar-se-á uma metodologia que contribua a melhorar o diálogo entre as distintas comunidades e, portanto, ao desenho e execução de políticas públicas de CTI.

Grupos Representantes das unidades de Pesquisa:
Instituto de Indústria – Universidad Nacional de General Sarmiento (IDEI-UNGS) – Argentina
Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) – Brasil
Universidad de Talca (UTALCA) – Chile
Observatório Colombiano de Ciência e Tecnologia (OCYT) – Colômbia
Centro Internacional de Política Econômica para o Desenvolvimento Sustentável – Universidad Nacional (CINPE-UNA) – Costa Rica
Centro de Estudos de Economia Cubana – Universidad de la Habana (CEEC-UH) – Cuba
Universidad Centroamericana José Simeón Cañas (UCA) – El Salvador
Instituto Complutense de Estudos Internacionais – Universidad Complutense de Madrid (ICEI-UCM) – Espanha
Foro Consultivo Científico y Tecnológico (FCCYT) – México
Foro Nacional Internacional (FNI) – Perú
Unidade Acadêmica da Comissão Setorial de Pesquisa Científica –Universidad de la República (UA-CSIC-UDELAR) – Uruguay
Universidad Simón Bolívar (USB) – Venezuela
REDESIST – Instituto de Economia – Universidade Federal do Rio de Janeiro (IE-UFRJ) – Brasil

Deja un comentario

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *